Para os entusiastas da Ufologia (como eu), parece que o primeiro passo para a abertura dos arquivos confidenciais dos militares brasileiros acerca do polêmico assunto OVNIs foi dado. Com a visita de ufólogos à Força Aérea Brasileira no mês de maio, há uma notável mudança de atitude oficial em relação ao tema. Mérito do empenho do editor da Revista UFO (http://www.ufo.com.br), e a campanha que coordena, “UFOs: Liberdade de Informação Já”.

A mudança é tão notável que, pela primeira vez na história, a FAB reconheceu, em e-mail ao Portal/Revista Vigília, a existência da Operação Prato, em 1976 e 1977 (ao menos até onde se supõe, com base nos documentos que já vazaram), destinada à coleta sistemática de informações sobre aparições de OVNIs.

Publiquei mais a respeito no Portal/Revista Vigília: http://www.vigilia.com.br

Não que eles fossem comprovadamente extraterrestres ou extra-alguma coisa. Mas ainda assim, eram, e continuam sendo, um mistério moderno propondo perguntas que, por qualquer campo em que pairem as respostas, certamente representam um estímulo importante para a busca de conhecimento e compreensão.

Só falta agora um envolvimento científico e acadêmico mais profundo para tirar a Ufologia do campo anedódico… Quem sabe, com os novos dados que eventual e oficialmente venham a ser liberados, esse segundo passo seja dado…

::Via Desktop::