Rápido fim
No blog ainda é um pouco cedo para deixar os votos de boas festas e bom ano
novo, tá certo. Mas é pertinente mencionar já a ansiedade para que cheguemos
logo ao fim de 2003. Não creio fazer justiça se afirmar que foi um ano ruim. Mas
também acho impossível dizer o contrário. Ao menos particularmente. Embora a
julgar pela reclamação geral e os objetivos dados sócio-econômicos brasileiros –
como o desemprego-, somados à realidade de instabilidades e disturbios
geo-políticos no mundo, o saldo não é lá muito positivo… Chegue logo, 2004, e
ao menos nos dê a oportunidade de renovar forças e esperanças, ainda que as
fronteiras temporais só se façam presentes nas nossas consciências! ::Via Palm::